Wagner Pensa Hirata

Love and Bike Lifestyle

Bike – O sonho torto

Andar de bicicleta; não é só um esporte, nem só um meio de transporte, mas é ter fé, uma crença, um propósito; uma atitude de entrega. Quem pedala não beneficia só a si mesmo, mas a todos, deixando pra trás a preguiça e o conforto o carro, abrindo espaço, dividindo, compartilhando sem se prender entre vidros.
Para dividir o espaço, para me aproximar da cidade, para se aproximar das pessoas, para chegar onde se quer sem destruir nem poluir.
Andar de bicicleta sempre foi um desafio: pelo clima, pelo perigo das ruas, pelo cansaço para se locomover, tudo poderia ser desculpa, mas a fé na bike e sentimento de liberdade faz com que tudo isso seja pequeno.
Hoje parece incrível que se insista nesse meio de transporte por que andar de bike além de tudo é se submeter, se arriscar, se entregar a sorte as ruas com seus loucos e seu humor, com o risco de ser atingido por alguém em um dia ruim por simplesmente estar lá dividindo espaço; por pessoas que não veem o menor, pessoas que não se importam se ferem só importam em se são machucadas.
Mas como as vezes que caímos, as vezes que erramos, as vezes que nos acertaram, enquanto houver concerto levantaremos, enquanto houver vida insistiremos e pedalaremos, sempre como um sonho torto.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Anúncios

Navegação de Post Único

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: