Wagner Pensa Hirata

Love and Bike Lifestyle

Carta aos Suicidas

“Amor é suicídio”
Billy Corgan
Senhor suicida que pensa que a vida não vale a pena, entendo a sua frustração em sua tentativa de ser normal, mas lhe peço: não despedisse sua vida. A vida pode parecer dura mas você pode ser feliz. Não quero julgar os problemas de ninguém, mas algo eu digo: a vida é bela, e o pior qualquer situação pode parecer há solução e você pode ser feliz.
Mas se vc não se convenceu com minhas palavras, eu sugiro uma forma interessante de suicídio. Se você já perdeu a esperança de ser feliz, você pode lutar por algo interessante, a felicidade de alguém mais.
Sua vida, com certeza, foi um presente de Deus. Você tem a chance de respirar; a chance de ser feliz; a chance de lutar; a chance de amar; e você pode decidir por isso ou não, sim é uma escolha Sua, mas cabe a você optar por ser infeliz; desistir; ser indiferente; ser egoísta; mas nunca poderá dizer que você não teve a chance. Você pode não ter conseguido sucesso em alguma coisa que acredita ser essencial em sua vida, mas cá entre nós, você prefere o “sucesso” ou ser feliz?… Há, pode acreditar, muita beleza no simples caminha no lutar…
Escolhas existem, dificuldades também mas elas são para todos não só pra você, todos erramos mas nem todos aprendemos com os nossos erros. Mas errado, acredito eu, é ser um suicida entregando a vida dessa maneira, sendo que você pode  se suicidar de uma forma mais constritiva.
Mas vou lhe dizer a minha proposta de suicídio. Já que você acha que não vai ser feliz mesmo entregue sua vida sim mas para algo que vale a pena não para morte, afinal ela chegará de qualquer maneira. Dedique o resto da sua vida, já que pra você ela não vale nada, para amar e ajudar. Se você trabalha, continue trabalhando e não junte dinheiro para você sua família e seu conforto, doe seu salário para alguém que precise, ou mude de emprego trabalhe em causas nobres para fazer um mundo melhor.
Se sua causa pessoal não existe mais, lute pela causa do amor, lute pelo fim da fome, pela educação, pela saúde. Se torne politico, por que é disso que precisamos: políticos que não se importem consigo mesmos, com seu próprio dinheiro seu salário, em se manter no poder, em se manter vivo, que não pense em si mas na população, precisamos de políticos que se importem com tudo menos com sigo mesmos. Imagine, você no poder, vai roubar pra que? vai se manter no poder pra que? se isso não importa para você! se você ver corrupção com certeza iria denunciar, afinal suicída não teme a morte né?!…
Seja um suicída conciente, não se importe consigo, mas não deixe de se importar com o outro, aí quem sabe sua vida vai valer realmente a pena, não por você, é claro, mas pelo bem que você fez, pelas pessoas que você fez feliz. Viva por isso e deixe o tempo passar, depois veja o seu passado, ai você vai ver que valeu a pena você perder a sua vida por algo maior. E o mais importante, você vai ver que não perdeu sua vida, vai perceber que a ganhou, e o mais importante, você vai perceber que foi feliz.
Anúncios

Navegação de Post Único

Uma opinião sobre “Carta aos Suicidas

Comente:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: