Wagner Pensa Hirata

Love and Bike Lifestyle

Arquivo para o mês “dezembro, 2016”

Humano FDP

​Um homem: conflitos em casa, insatisfação com trabalho, problemas com amigos; faz com que se sinta pequeno, incapaz, sem valor; vive uma rotina torturante, percebe todos como uma ameaça. Como diz Toby McKeehan: “Nós somos anti-todo mundo, chame isso de paranoia”.
Como um dia qualquer, sempre infeliz, pedala para o trabalho até ter que parar em um semáforo vermelho. Do seu lado para um carro, um entre centenas a sua volta, mas o azar foi exatamente daquele motorista, nesse momento ele é o culpado de toda sua infelicidade, como um vulcão pronto a irromper ele se sente legitimado a pensar: “maldito motorista, se não fosse por ele eu teria ruas mais seguras, teria ar mais puro, centenas de velhinhos e crianças não morreriam, eu não teria que compartilhar a via com ninguém que me ameaça e, o mais importante, meus familiares não perderiam a paz se eu chegarei ou não em casa.”
O sinal fica verde, ele prepara para pedalar mas antes grita um aliviante: “motorista FDP”, e covardemente sai correndo como se a culpa por tudo que sentia tivesse passado para o ombro alheio…
Ficção? Sim, ficção total!… Jamais ouvi um relato de um motorista vitimado, mas o contrário sim. Conclusão: é mais justo o ciclista ser xingado pelo mal que ele causa?
Motorista xinga ciclistas, mas os motivos podem ser questionados? Ou ele é legítimo em seu ponto de vista? Afinal ciclista e pedestres exigem que as ruas sejam mais seguras, ou seja, velocidades que não são mortais, respeito a vida, pensamento além do status padrão mudo materialista, de bens, da força e da violência. E assim, ofendido na sua cegueira, com a verdade escancarada em sua cara o motorista se revolta em seu umbigocentrismo. Está cada vez mais difícil suprir as expectativas dos outros e se frustra…
(Após o xingamento o condutor percebe seu pneu furado. Para sua surpresa lhe alguém para e lhe ajuda, e era o alvo de seus xingamentos. 

A sua dúvida, no inconsciente, é se criará desculpas para odiar ou se amadurecerá vendo o que está frente aos seus olhos)
#BikeELove

#ABicicletaTeLibertaABicicletaTeDesperta

Navegação de Posts